Adicionar aos Favoritos      Indique este Site quarta-feira, 3 de junho de 2020                                                                         
notícias
Clique para zoom

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Opera One sapphire dial

segunda-feira, 5 de abril de 2010

A Manufatura Girard-Perregaux revelou uma versão única de seu modelo Opera One com turbilhão e repetidor de minutos, que se distingue por seu mostrador em safira tingida semitransparente, com uma notável visão de seu magnífico movimento.


Originalmente desenvolvido para permitir que se soubesse a hora no escuro, o mecanismo de repetição de horas e minutos permanece como uma das realizações de manufatura relojoeira mais difíceis de serem realizadas. Para aumentar sua complexidade, o Opera One tem um toque Westminster, que marca a hora usando quatro martelos para produzir uma melodia de quatro diferentes notas.

O mecanismo possui outra sutil complicação: um turbilhão. Este dispositivo, projetado para eliminar os efeitos da gravidade sobre o órgão regulador do relógio, representa uma genuína tradição que a Girard-Perregaux tem mantido e desenvolvido desde o século 19, de modo tal que a soberba arquitetura de seu turbilhão com pontes de ouro tornou-se um símbolo da marca. A forma das três pontes de ouro da Girard-Perregaux foi estilizada neste modelo de forma a incorporar o mecanismo de “sonnerie”, revelando três dos quatro martelos, com o quarto aparecendo quando soa a melodia.

Outra característica única deste extraordinário relógio é seu cristal de safira tingido. Ele é adornado por um acabamento “sunburst” cujos raios se originam no turbilhão, produzindo um jogo complexo de transparências sobre a mecânica do relógio. O mostrador revela o turbilhão às 6 horas enquanto os martelos que batem as horas são visíveis às 9 horas. O fundo oferece uma perspectiva alternativa sobre o movimento altamente complexo.

O volume da caixa dá ao som uma ressonância cristalina, que os aficionados apreciarão não apenas como uma realização técnica notavelmente complexa, mas também como um charme poético extra deste excepcional objeto.

Especificações técnicas

A caixa em ouro branco tem diâmetro de 40 mm e um cristal de safira antirreflexo. A resistência à água é de 30 metros.

O movimento Girard-Perregaux GP9899, a corda manual, tem 27,6 mm de diâmetro, frequencia de 21.600 vph (3 Hz), 37 rubis, reserva de marcha de 75 horas. O mecanismo pode ser apreciado através do fundo em safira. Suas funções incluem horas, minutos, pequenos segundos sobre o regulador turbilhão, repetidor de minutos com toque Westminster.

Complementa o modelo uma pulseira de couro de jacaré com fecho dobrável.
 
Topo
Mais Notícias:
29/05/2020 - Louis Moinet - Entrevista com Jean-Marie Schaller
 
28/05/2020 - Louis Moinet - Interview with Jean-Marie Schaller
 
25/05/2020 - Gerald Charles - Maestro Anniversary
 
22/05/2020 - Louis Moinet - Spirit of Jules Verne
 
21/05/2020 - Baume & Mercier - WW2020 - Clifton Baumatic Day-Date Moonphase
 
20/05/2020 - IWC - WW2020 - Portugieser Yacht Club Moon & Tide
 
19/05/2020 - Jaeger-LeCoultre - WW2020 - Master Control Chronograph Calendar
 
18/05/2020 - Panerai - WW2020 - Submersible EcoPangaea Tourbillon GMT - Mike Horn Edition
 
12/05/2020 - Purnel - WW2020 - Escape II
 
11/05/2020 - Vacheron Constantin - WW2020 - Traditionnelle Tourbillon Chronograph
 
24/04/2020 - Louis Moinet - Os Discovery Days
 
24/04/2020 - Louis Moinet - The Discovery Days
 
23/04/2020 - Watches & Wonders - Lançamento de plataforma digital
 
22/04/2020 - Maximilian Büsser & Friends - Horological Machine No.10 Bulldog
 
20/04/2020 - Baselworld - Rolex, Patek, Chopard, Chanel, Tudor e LVMH deixam Baselworld!
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2020

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais