Adicionar aos Favoritos      Indique este Site quarta-feira, 16 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Clique para zoom
Clique para zoom
Vista lateral do Palace às 3 horas
Clique para zoom
Vista lateral do Palace às 9 horas
Clique para zoom
Botão GMT às 6 horas
Clique para zoom
Contador de 60 minutos e a corrente
Clique para zoom
Coroa e botão do cronógrafo
Clique para zoom
Rodas e pontes vistas do fundo
Clique para zoom
O turbilhão e indicadores

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Jean Dunand Palace

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Imaginação, invenção, aventura, romance: foram 50 anos notáveis, a base para a era moderna. Eles viram surgir da eletricidade ao rádio e o cinema, do Art Nouveau ao Art Deco, do automóvel ao avião, o jazz e os arranha-céus e também... o relógio de pulso.



Seus heróis e ícones incluíram Júlio Verne, Rodolfo Valentino, Santos Dumont, Bix Beiderbecke. Foi com naturalidade que este extraordinário período inspirou a mais nova e ousada criação da Jean Dunand.

Incorporado no Palace, neste único relógio, está todo o éthos da Casa. De acordo com o CEO da Jean Dunand, Thierry Oulevay, “A principal inspiração para o Palace é a transformação cultural e social da civilização Ocidental durante o período de 50 anos compreendido entre 1880 e 1930.”

No contexto deste intervalo de tempo, o Palace recebeu o nome da estrutura que precedeu e anunciou a época, o Palácio de Cristal de Londres, construído para a Grande Exposição de 1851, e compartilha detalhes estéticos do pináculo arquitetônico do período: a Torre Eiffel.

Era um tempo em que dominava a mecânica, a mão-de-obra intensiva, as fundições, o vapor, que realizavam o que agora é feito pela eletrônica e computadores. O Palace incorpora todo este industrialismo, temperado com a genial visão alternativa do “Steampunk”, as imagens do “Metropolis” de Fritz Lang, as porcas e parafusos, engrenagens e pistões de trens e submarinos. A aparência não poderia ser de nenhum outro período da história, embora o mecanismo do Palace amplie as fonteiras das modernas complicações.

Do atelier de Christophe Claret vem um calibre que combina funções em estado-de-arte com a topologia reminiscente do século passado. Ele transcende o meramente “retrô”, adicionando substância ao estilo. No coração do mecanismo a corda manual do Palace bate um turbilhão voador de um minuto, posicionado às 6 horas, com um balanço operando na frequencia de 3 Hz. Sobre ele estão ponteiros vazados de horas e minutos, e um contador de 60 minutos de cristal de safira para o cronógrafo.

Em ambos os lados do turbilhão voador estão dois trilhos verticais, o da direita exibindo as 72 horas de reserva de marcha e o outro com uma indicação GMT linear. Ao invés de um mostrador giratório, o Palace mostra seu segundo fuso horário através de indicações de 12 horas em ambos os lados do trilho ovalado. Sua forma lembra ao usuário o lendário circuito de corridas “Milwaukee Mile”, que recebeu sua primeira corrida de automóveis em 1903, e testemunhou disputas entre gigantes da época tais como Ralph DePalma e Barney Oldfield.

A seta indicadora, montada em um disco que espelha o da reserva de marcha, realiza dois passos. Quando o disco alcança o final, ele salta de volta para o topo e a seta gira 180 graus para indicar a outra escala. Os ajustes da escala GMT, em incrementos de uma hora, são feitos pelo botão GMT posicionado entre as garras, às 6 horas.

Orgulhosamente lembrando o filme clássico de Charlie Chaplin, “Tempos Modernos”, estão as mais marcantes pistas visuais da homenagem da marca à Revolução Industrial: pontes e rodas visíveis através do fundo do Palace, bem como o mecanismo de corda único, proeminente na visão frontal do relógio.

O mecanismo transmite sua força ao tambor através de um corrente microscópica, de refinada construção, desenhada, de acordo com Oulevay, “para evocar a corrente de motocicletas antigas Indian e Vincent. Ela possui até mesmo um minúsculo tensionador.”

Fornecendo a estrutura para o movimento estão platinas com sulcos, para sugerir o reforço de uma estrutura maciça em ferro fundido. Elas são separadas e apoiadas por dez minúsculos pilares, visíveis através das janelas de vidro arqueadas nas laterais da caixa. Outros detalhes lembram as estruturas em treliça encontradas nas pontes antigas e a forma da Torre Eiffel. A mais icônica estrutura de Paris também inspirou a vista lateral do Palace: os arcos têm a exata aparência da base da Torre Eiffel.

O Palace é tão complexo e rico de detalhes que cada exemplar será acompanhado de uma lupa, para permitir ao dono estudá-lo ao longo dos anos. Seus muitos detalhes e segredos serão revelados aos poucos, com o observador encontrando algo novo a cada vez que examiná-lo.

Com tal abundância de funções, formas e detalhes, as dimensões do mecanismo, de 38 por 36 mm, são maiores que muitos relógios completos; a majestosa caixa tem generosos 48 por 49 mm, proporcionando todo o espaço que o Palace exige.

O objetivo da Jean Dunand é sempre criar relógios excepcionais. Com o Palace, ela redefine a forma do cronógrafo monopulsante, acrescentado da função GMT e o turbilhão voador. A era na qual ele foi inspirado tem especial significado para a Jean Dunand: o relógio representa as décadas que correspondem quase que exatamente ao período de vida do mestre artesão que deu nome a esta casa relojoeira.


Especificações técnicas do Palace


Mecanismo

Calibre CLA 02CMP
Cronógrafo monopulsante a corda manual, indicação de segundos, contador de 60 minutos.
Turbilhão voador de um minuto.
Indicação de reserva de marcha e GMT para segundo fuso horário.
Transmissão por haste deslizante via came perfurada.
Transmissão por corrente para mecanismo de corda.
Espiral plana, frequencia de 21.600 a/h.
Balanço com parafusos de ajuste.
Dimensões: 38 x 36,4 mm.
Altura: 12,42 mm.
Número de peças: 703, incluindo 53 rubis.
Reserva de marcha de aproximadamente 72 horas.


Indicações

Ponteiros de horas e minutos.
Contador do cronógrafo de 60 minutos.
Reserva de marcha e segundo fuso horário com indicadores lineares.


Controles

Botão do cronógrafo integrado à coroa.
Botão na lateral da caixa às 6 horas para ajuste do GMT.
Coroa às 3 horas, carregando a mola principal através de micro-corrente.


Caixa

Dimensões: 48,2 x 49,9 mm.
Altura total: 16,65 mm.
Lateral feita de titânio; aro, fundo e garras em ouro vermelho 18 K 5N ou ouro branco.
Fecho deployant em ouro.
Resistência à água a 30 metros (3 atm)


Vidros

Dois cristais de safira curvados, antirreflexo.
Duas janelas laterais em cristal de safira, antirreflexo.


Ponteiros

Em ouro 18 K, vazados no estilo “espada”.
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais