Adicionar aos Favoritos      Indique este Site quarta-feira, 16 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Coleção alcança R$ 11.900.000

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Uma das maiores coleções particulares de relógios Swatch, que reflete em boa parte a história da marca, foi vendida em Hong Kong pela histórica quantia de HK$ 51.707.500,00 mais de 11.900.000 Reais.


A coleção Blum foi criada ao longo de vários anos pelo empresário suíço Peter Blum e a sua mulher Linda, dois apaixonados colecionadores de relógios Swatch desde que a marca nasceu.

Da notável coleção fazem parte cerca de 4.363 relógios, incluindo um grande número de protótipos, híbridos e variações de produção que nunca estiveram no mercado. Muitos dos protótipos datam do extraordinário período anterior à comercialização dos primeiros relógios Swatch, nos anos 80, e são extremamente raros.

Entre os mais interessantes e procurados pelos colecionadores estão uma série de protótipos criados pelo artista americano Keith Haring, bem como os lendários relógios Swatch Modele avec Personnage, Milles Pattes, Serpent e Blanc sur Noir. Entre outras raridades desta coleção incluem-se relógios criados pelos artistas Mimmo Paladino, Alfred Hofkunst e Sam Francis.

Organizado pela reputada leiloeira Phillips de Pury & Company, este leilão único despertou um interesse considerável durante as exposições de pré-venda realizadas em Nova Iorque, Londres e Xangai, onde a coleção foi exibida no The Swatch Art Peace Hotel, um hotel de arte recentemente restaurado e que é uma referência cultural do Bund.

O “expert" leiloeiro Simon de Pury preparou uma cerimônia altamente emocional para o evento Swatch, com a escolha de um prestigioso local, em uma das cidades mais dinâmicas e espetaculares da China. Por sua relação e compromisso de longa duração com a Arte, a Swatch afirmou estar orgulhosa de ter organizado este leilão na China, um país de notável herança artística e uma relação vibrante com a arte contemporânea.

O Hotel Four Seasons em Hong Kong foi o cenário ideal, para aquela que viria a ser a maior venda de relógios Swatch em um único lote, vendida por HK$ 51.707.500, aproximadamente 11.900.000 Reais.


Sobre a Phillips de Pury

Fundada em Londres em 1796, Phillips de Pury & Company é uma empresa internacional de arte que organiza leilões de Arte Contemporânea, Design, Fotografia, Edições e Joalheria, bem como vendas privadas e exposições de venda.

Sendo a única leiloeira internacional focada na cultura contemporânea, a Phillips de Pury & Company marcou uma posição no mundo da arte contemporânea, como especialista na organização de vendas e exposições em Nova Iorque e Londres.
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais