Adicionar aos Favoritos      Indique este Site terça-feira, 15 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Midnight Planetarium

segunda-feira, 12 de maio de 2014

O belíssimo e surpreendente Midnight Planetarium Poetic Complication da Van Cleef & Arpels foi um dos grandes destaques da última edição do Salão Internacional da Alta Relojoaria, o SIHH 2014.




A Van Cleef & Arpels é uma marca geralmente associada ao público feminino, para o qual costuma dedicar fantásticos relógios-joia ou modelos dotados de complicações exclusivas, com a linha “Poetic Complications”.

Contudo, modelos masculinos muito refinados sempre estiveram presentes em seu catálogo, como os relógios da coleção Pierre Arpels. Mais recentemente, a casa parisiense passou a investir em modelos complicados para homens, sendo o novo Midnight Planetarium Poetic Complication um fruto deste esforço.

O lançamento faz parte de uma nova linha chamada “Poetic Astronomy”, com a qual a Van Cleef & Arpels faz referência à emoção despertada pelo espetáculo deslumbrante dos corpos celestes.

Os ciclos do sol e da lua, e o espetáculo de uma noite estrelada, com os padrões fantasiosos das constelações, são maravilhas do universo que têm inspirado a marca em criações que combinam a poesia das esferas com a medição do tempo.

Anteriormente evocado nas peças de Joalheria e Alta Joalheria da Van Cleef & Arpels, o tema das estrelas e do cosmos difundiu-se para a relojoaria em 2008 com o relógio “Lady Arpels Jour Nuit” e, depois, com o “Midnight in Paris”.

Desde então, as coleções “Poetic Complications” e “Extraordinary Dials” têm sido enriquecidas por novas criações que reinterpretam temas caros à Van Cleef & Arpels, tais como os símbolos da sorte e as representações do céu. Desviando seu olhar para o firmamento, a Casa deu nova forma à sua visão altamente pessoal do tempo e espaço, com suas sugestões de viagens e sonhos.


Uma inspiração histórica

Para a edição de 2014 do SIHH, a Van Cleef & Arpels realizou seu sonho de reduzir a escala do céu para as dimensões de um relógio de pulso. Seis anos após o lançamento do modelo “Lady Arpels Jour Nuit”, novamente a casa celebra as órbitas celestes, com uma inspiração na tradição histórica dos planetários.

Bastante em voga no século XVIII, esses objetos forneciam uma representação tridimensional do sistema solar e do movimento dos planetas ao redor do sol. Antecessores dos planetários modernos, eles eram movimentados de forma manual ou utilizando-se de mecanismos de relojoaria de grande complexidade.

Hoje a Van Cleef & Arpels revisita esta ideia sob a ótica da sua própria imaginação poética: o relógio Midnight Planetarium oferece um recurso para imortalizar o dia de sorte para seu proprietário, enquanto ele admira o curso dos planetas.


O tempo e os corpos celestes

Este novo relógio, Midnight Planetarium Poetic Complication, possibilita uma representação em miniatura do movimento de seis planetas ao redor do sol e as suas posições em um dado tempo.

A Terra e Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno – todos estes visíveis da Terra a olho nu – são postos em movimento graças a um mecanismo mecânico automático de grande complexidade, equipado com um módulo exclusivo desenvolvido em parceria com a manufatura Christiaan van der Klaauw, que possui 396 peças.

O movimento de cada planeta é fiel em relação à duração de sua órbita: Saturno levará mais de 29 anos para fazer o circuito completo do mostrador, enquanto Júpiter levará quase 12 anos, Marte 687 dias, a Terra 365 dias, Vênus 224 dias e Mercúrio 88 dias.

A leitura das horas é uma simples questão de observar a estrela cadente, um motivo de sorte muito querido para a Van Cleef & Arpels. Localizada no limite externo do mostrador, ela completa uma volta em 24 horas. Sua posição indica a hora atual, que pode ser lida no disco externo de 24 horas.

Assim, de certa forma o Midnight Planetarium Poetic Complication pertence ao grupo de relógios de apenas um ponteiro para a indicação das horas – aqui, o ponteiro único é representado pela estrela cadente.

O dia, o mês e o ano do calendário perpétuo podem ser ajustados com a utilização de dois botões, e visualizados através de duas aberturas no verso do mostrador, sobre as quais existem duas lentes de aumento para uma melhor legibilidade.

As estrelas também estão presentes na parte de trás do relógio, onde na massa oscilante está gravada uma composição estrelada.

Estas várias funções são acompanhadas de um convite poético para que se celebre o dia de sorte de seu proprietário. Utilizando-se de um aro giratório, o proprietário do relógio pode selecionar o dia da sua escolha posicionando um triângulo vermelho frente a um calendário graduado.

Nesse dia a esfera que representa a Terra no mostrador mover-se-á para uma posição diretamente abaixo da estrela gravada no cristal de safira, em sinal de boa sorte.


O know-how da Van Cleef & Arpels

A Van Cleef & Arpels empregou toda sua expertise em joalheria para retratar os planetas com uma seleção de pedras duras: Turquesa para a Terra, Serpentina para Mercúrio, Jade Negro da Birmânia para Vênus, Jaspe Vermelho para Marte, Ágata Azul para Júpiter e Luvulite para Saturno.

Minuciosamente esculpida à mão em esferas de diferentes dimensões e cores, elas são posicionadas ao redor de um sol em ouro rosa. Cada um destes elementos, juntamente com a estrela cadente em ouro rosa, é fixado em seu próprio disco de aventurina. Com sua tonalidade azul profundo cintilante, os discos estão dispostos em torno do centro em um alinhamento perfeitamente concêntrico.

A escolha das pedras recebe uma atenção minuciosa, bem como o ato de esculpir o disco e as esferas para que seja dada forma a este “tableau” animado em uma combinação de know-how de joalheira e relojoaria.



Midnight Planetarium Poetic Complication – Ficha técnica


Caixa

Caixa em ouro rosa

Diâmetro de 44 milímetros


Mostrador

Em ouro rosa, com pedras como aventurina, serpentina, jade negro da Birmânia, turquesa, jaspe vermelho, ágata azul e luvulite


Movimento

Mecânico de corda automática com um módulo desenvolvido exclusivamente para a Van Cleef & Arpels pela Christiaan van der Klaauw


Pulseira

Pulseira de crocodilo na cor preta, fecho dobrável em ouro rosa



O Midnight Planetarium Poetic Complication também está disponível com um aro cravejado com diamantes baguete e fecho de báscula engastado com diamantes redondos.

O modelo será produzido em uma edição limitada de 396 peças no total, a um preço de USD 245,000.00 em ouro rosa e USD 330,000.00 em ouro rosa com diamantes engastados.



Artigo originalmente publicado na Revista Pulso ed. 91, Mar/Abr 2014
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais