Adicionar aos Favoritos      Indique este Site terça-feira, 15 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Clique para zoom
Harry Winston Opus 8
Clique para zoom
Estudo em 3D do mostrador do Opus 8
Clique para zoom
Desenho do fundo do Opus 8, na forma de um circuito integrado
Clique para zoom
Desenho técnico do Opus 8
Clique para zoom
Um dos desenhos iniciais do Opus 8
Clique para zoom
Um dos desenhos iniciais do fundo do Opus 8
Clique para zoom
Detalhe do mostrador
Clique para zoom
Detalhe do mostrador
Clique para zoom
Frédéric Garinaud e a equipe da unidade de especialidades relojoeiras – a “Cellule des Spécialités Horlogères” (CSH)
Clique para zoom
A nova Manufatura Harry Winston, em Genebra

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Harry Winston Opus 8

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

A Harry Winston é uma empresa de grande tradição na joalheria de alto luxo, fundada no ano de 1920. Sua primeira coleção de relógios foi lançada em 1.989, e inicialmente seus modelos eram uma extensão de suas criações de joalheria, mais conhecidos pela presença nos pulsos de estrelas em tapetes vermelhos hollywoodianos.

A criação do Programa Opus foi um divisor de águas para a sua divisão de relógios.



Lançado pela empresa em 2001, quando Maximilian Büsser era diretor da Harry Winston Rare Timepieces, seu objetivo era estimular a inovação na técnica relojoeira, através da parceria com mestres relojoeiros independentes.

A partir de então, a marca passou a ser reconhecida como uma séria presença no segmento da alta relojoaria.

Relógios exclusivos, nunca antes vistos ou imaginados pela indústria, fizeram do estande da empresa em Baselworld um dos mais concorridos naquele que é o maior evento da relojoaria mundial. A expectativa sobre o novo modelo da série Opus sempre é enorme.

Büsser deixou a empresa, mas a cada ano a série Opus continua revelando extraordinárias criações, algumas delas polêmicas, mas sempre de grande complexidade técnica, apaixonantes para aqueles que verdadeiramente apreciam inovações na arte relojoeira.

Em Baselworld 2008 foi revelado o novo Opus 8, criado em parceria com o francês Frédéric Garinaud.


Frédéric Garinaud

Nascido no sudoeste da França em 1971, para Frédéric Garinaud o caminho para a relojoaria e o Opus 8 teve uma origem interessante e improvável. Nem relojoeiro nem designer por formação, Garinaud iniciou na academia naval francesa, onde se especializou como um mecânico a bordo.

Em 1999, Garinaud freqüentou o Conservatoire des Arts et Métiers em Lyon para formalizar seus estudos de graduação e começou a trabalhar como um gerente de desenvolvimento para maquinário especial em um laboratório de galvanoplastia. Em 2001, ele se juntou à Audemars Piguet (Renaud & Papi) como um gerente de escritório técnico.

Em 2005, pavimentando o caminho para seu papel atual, Garinaud fundou a unidade de especialidades relojoeiras – a “Cellule des Spécialités Horlogères” (CSH).

Almejando fundir o ultramoderno à tradição relojoeira, a unidade combina todas as atividades envolvidas na relojoaria – de desenhos ao ajuste, desenvolvimento e construção, e mesmo a manufatura micro-mecânica, decoração e montagem de produtos. Garinaud queria trazer à relojoaria de alta qualidade algumas das evoluções de produtos que enriqueceram nosso mundo de consumo, incluindo microeletrônica, desenho de roupas, ecologia e materiais inovadores.

No coração do trabalho de Garinaud está uma criatividade sem freios e pura emoção, que ele espera que ecoem entre os futuros proprietários destes notáveis desenhos. Um homem modesto com extraordinário talento, a paixão e estilo visionário de Frédéric Garinaud já tem feito um grande impacto sobre a relojoaria de alta qualidade. Conhecido como o “Mágico” por aqueles que trabalham com ele, os desenhos de vanguarda de Garinaud desafiam tradicionais preceitos da indústria.

Enquanto a relojoaria é o seu talento, este criador incansável também tem uma paixão por etologia, carros, e mesmo o sol… E ele sonha em um dia criar cavalos.


Harry Winston e Frédéric Garinaud: Um encontro para uma nova leitura do tempo

Cinco anos atrás, Frédéric Garinaud teve uma idéia: inventar um relógio híbrido que unisse uma mecânica complicada à eletrônica digital. Ao mesmo tempo, Garinaud soube do conceito Opus desenvolvido pela Harry Winston e começou a sonhar em uma peça inovadora para apresentar à marca, que viria a ser conhecida como Opus 8.

Interessada no desenvolvimento dessa idéia híbrida, a Harry Winston reuniu-se com Garinaud no início de 2007 e apresentou a ele um novo desafio: por que não transformar o mostrador híbrido em um mostrador digital?

Garinaud imediatamente retornou à sua prancheta para criar o desenho de um protótipo.

Chegando em Baselworld 2007, armado de rolos de desenhos e com sua equipe da Cellule des Spécialités Horlogères, o “Mágico” revelou seus últimos truques, apresentando seu plano preliminar para o Opus 8. Embora a marca inicialmente não estivesse convencida, Garinaud continuou a trabalhar em seu projeto inovador. 10 dias mais tarde, ele receberia uma chamada importante e entusiástica. A Harry Winston havia aceitado os planos. A aventura do Opus estava começando.


Opus 8: A arte da emoção digital – a reinterpretação de uma r(evolução)

Com raízes no movimento Pop Art dos anos 1970, a arte e tecnologia digitais revolucionaram nosso modo de vida e continuam a influenciar a arte e cultura contemporâneas. Permitindo a artistas a criação de trabalhos de extrema complexidade, estes mesmos avanços na tecnologia digital também transformaram a arte da moderna relojoaria. Imbuído do espírito de vanguarda que definiu aquela década, o Opus 8 representa uma continuação desta (r)evolução tecnológica e artística.


Um mecanismo inspirado em uma brincadeira

Um relógio excepcional e avançado, o Opus 8 utiliza mecanismos mecânicos a corda manual para criar um moderno mostrador digital. Inspirado em uma brincadeira de arte de pinos, que criam impressões 3D de objetos pressionados contra eles, os números no mostrador aparecem apenas “sob demanda”, ativados por um botão no lado direito da caixa. Nada surge até que o mecanismo receba corda.

Uma placa une pequenos segmentos, móveis e fixos. Logo abaixo está um disco conduzido pelo movimento, que gira independentemente em tempo real. Quando o mecanismo recebe corda, as peças ajustam-se para mostrar a hora. Assim que a placa abaixa, os pequenos segmentos permanecem visíveis, “bloqueados” pelo cristal, permitindo que a hora seja lida por 5 segundos. Tecnicamente, todas as funções estão interligadas, permitindo que tudo seja exibido sob demanda – o ponteiro de minutos muda a hora que então muda a função AM/PM.

O revestimento do mostrador, jateado com micro-partículas, é similar àquele de uma calculadora, enquanto os segmentos são feitos de antracito negro com lados polidos. Tão inovador em materiais como na mecânica, as laterais dos segmentos são fabricados em carbono amorfo. Um material mais comumente conhecido da Fórmula 1, a equipe de Garinaud adaptou-o com sucesso para uso em micro-peças de relógios. Este material tem um coeficiente de fricção extremamente baixo e é altamente resistente. Desgaste, bloqueios e liberação de material tornam-se quase inexistentes.


A magia da inovação

Adicionalmente a uma técnica moderna e sofisticada, o Opus 8 apresenta originais indicações em seu mostrador. À esquerda está um indicador de horas com quatro dígitos – dois para a hora e dois para o período do dia (AM/PM).

Quando são 20h00, o relógio irá exibir 08PM. À direita está um inovador contador de minutos, com um layout e indicação de baixo para cima. Com segmentos de 5 minutos (a precisão sendo secundária), este indicador é um anel em forma de seta. Os números das horas e minutos lembram a tipografia hexagonal simétrica encontrada na mecânica de cristal líquido.


Uma caixa “Anos 70”

Com suas imponentes dimensões retangulares – 43 mm de largura, 41 mm de comprimento, e 13 de espessura – a caixa em ouro branco de formato arrojado e gráfico do Opus 8 lembra um televisor de estilo retrô. A frente da caixa tem um mostrador digital com um cristal curvo de 4 mm de espessura sobre os segmentos.

Com o botão de carregamento do mostrador localizado à direita e o coroa de corda à esquerda, o mecanismo tem uma rotação do movimento de 180°. A exibição da hora não é possível durante a corda. No meio, uma abertura permite que se admire o seu coração – o balanço.

O fundo do movimento é decorado como um circuito impresso, com linhas ligando os vários elementos do tempo. No topo, as horas (H) e os minutos (M). À esquerda, os períodos do dia (AM/PM), e à direita, o indicador das 48 horas de reserva de marcha (PRI). Mais abaixo, duas linhas indicam os desenhistas do relógio, Garinaud & CSH (Cellule de Spécialités Horlogères), e o número serial.


Um modelo exclusivo, produzido em uma nova Manufatura

Uma edição limitada a 50 peças, o Opus 8 é o primeiro modelo da série a ser produzido na nova Manufatura Harry Winston em Genebra, inaugurada em Novembro de 2007. Com um total de 100 funcionários, ela abrigará todos os processos de produção (exceto a fabricação de mostradores, que continuará sendo feita na Les Cadraniers), incluindo fabricação de caixas, montagem, colocação de pedras preciosas e controle de qualidade.

A nova fábrica de relógios é uma resposta à crescente demanda pelas extraordinárias criações de alta relojoaria da Harry Winston, entre as quais agora se inclui o Opus 8. Aguardamos ansiosamente o próximo Opus em 2009!


Publicado originalmente na Revista Pulso no. 59, Novembro/2008




Para conhecer todos os modelos da Coleção Opus, clique aqui.
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais