Adicionar aos Favoritos      Indique este Site quinta-feira, 17 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom
Clique para zoom

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
Rotonde de Cartier cronógrafo central e o calibre 9907 MC

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Com este novo calibre 9907 MC, realização da Maison cujos protótipos foram desenvolvidos e fabricados em La Chaux-de-Fonds de maneira exclusiva, a Cartier reinterpreta a função cronógrafo através desta versão pioneira do modelo Rotonde de Cartier.


Um mostrador inédito

A primeira particularidade deste novo relógio Rotonde de Cartier, calibre 9907 MC, consiste no isolamento da função cronógrafo no centro do mostrador. Este engenhoso dispositivo oferece uma legibilidade excepcional a esta complicação tradicional e um mostrador com indicação inédita. A ação desenvolve-se em dois níveis: o nível inferior é destinado à indicação das horas e dos minutos graças aos ponteiros azulados cujas extremidades são as únicas partes aparentes; o nível superior é dedicado ao cronógrafo. No centro, o fino ponteiro azulado de segundos movimenta-se quando acionado pelo botão correspondente, enquanto o grande contador em semicírculo registra cada uma das rotações até trinta minutos.

Portanto, os ponteiros que indicam as horas nunca ocultam os do cronógrafo.

O contador central do cronógrafo parece flutuar acima do mostrador, sendo sustentado por um aro de safira cuja discrição contribui à complexidade desta construção patenteada.


Um cronógrafo que prima pela excelência de execução

O calibre 9907 MC é dotado de um sistema de transmissão da função cronógrafo complexa.

Um mecanismo de roda de colunas comanda as três funções do cronógrafo: ativação, parada, reset.

A concepção do calibre 9907 MC a corda manual também integra um número de componentes inferior ao geralmente utilizado. Os relojoeiros da Cartier fabricam e montam um total de 272 peças. Esta redução facilita a manutenção do relógio, além de proporcionar uma maior resistência a longo prazo.

Com um diâmetro de 11 ½ linhas, ou seja, 25,6 milímetros, e uma altura que não ultrapassa 7,10 milímetros, o calibre 9907 MC da Cartier demonstra uma capacidade excepcional para conter todos os componentes funcionais em um espaço relativamente limitado.


O gênio relojoeiro de uma embreagem vertical

Graças a sua embreagem vertical, o calibre 9907 MC impõe-se como um sistema verdadeiramente inovador. Com efeito, os relojoeiros da Cartier decidiram substituir o habitual acionamento horizontal montado sobre a báscula lateral, que requer grande quantidade de energia, por uma variante vertical de concepção extremamente moderna. Portanto, passamos de um mecanismo de engrenagens a um mecanismo que funciona por meio de fricção.

Semelhante aos mecanismos de embreagem dos automóveis, o sistema funciona por aderência, ou seja, pela pressão recíproca e precisamente dosada de dois pequenos discos.

Criado com o objetivo de reduzir o consumo de energia da função cronógrafo, este sistema de embreagem vertical permite conservar uma precisão cronométrica excepcional, e isto apesar do acréscimo de uma função.


Em relação a seu equivalente convencional, ele possui três vantagens determinantes:

• Torna dispensáveis as alavancas de freio e bloqueio destinadas a manter os diferentes componentes de indicação do cronógrafo em suas respectivas posições depois da parada da medição.

• Permite que o ponteiro do cronógrafo avance sem movimentos bruscos desde o início da medição e mantenha um ritmo perfeitamente regular de oscilações do balanço, ou seja, oito pequenos passos por segundo no calibre 9907 MC. A precisão da cronometragem é ainda mais apurada.

• O engate ou o acionamento do cronógrafo exercem muito pouca influência sobre a amplitude do balanço. Esta singularidade permite à Cartier prescindir do segundo permanente. A função de controle de marcha é assegurada pelo ponteiro do cronógrafo, que pode permanecer engatado indefinidamente.


O círculo como perspectiva de uma caixa redonda

Uma caixa redonda em ouro rosa, lados arredondados, curvas acentuadas. O relógio Rotonde de Cartier cronógrafo cede seu diâmetro de 42 mm ao rigor gráfico de um mostrador de dois níveis.





Para conhecer outros lançamentos Cartier no SIHH 2009, já apresentados em Relógios & Relógios, por favor consulte os artigos abaixo:

Uma prévia da Alta Relojoaria no SIHH 2009

O novo relógio Baignoire
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais