Publicidade

FórumTag Heuer

A postagem de mensagens e o acesso a determinados recursos somente são permitidos a usuários registrados.
Tópico: HEUER MIKROGRAPH 1916 - O PRIMEIRO CRONO CENTESIMAL DO MUNDO!
Clique aqui para navegar para o próximo tópico  Clique aqui para navegar para o tópico anterior
06/08/13 - 15:56
  Quote  #1
Mensagem por LOA
Local: São Paulo
Cadastro: 20/06/11
Posts: 420
Usuário nível:



Visualizar o perfil de LOA Perfil  Busca de outros posts por LOA Busca
Prezados Amigos

Conforme havia prometido, trago a vcs um dos meus mais ousados projetos....um de muitos...
Trata-se da restauração de um HEUER MIKROGRAPH 1916 - O PRIMEIRO CRONÔMETRO CENTESIMAL DO MUNDO, e que foi desenvolvido pela HEUER para as oímpíadas de 1920.
O exemplar que apresento a vocês é, na verdade, um protótipo do crono que foi posto em linha, alguns anos depois. por esta razão, não por outra, não existe em nenhum local a marca HEUER gravada, tampouco o seu logo. A identificação foi possível graças à patente indicada no mostrador, e um grande trabalho de pesquisa, feito antes da restauração deste exemplar (praticamente) único, pois só se tem notícia de outros 4 - um no museu da HEUER, um com um colecionador alemão de cronos Heuer, um com um russo (mas o mostrador desse está detonado e o meu.
Recebi este crono de um grande amigo, que sabendo que eu gostava de relógios, me presenteou. ele tinha ganho o crono do avô, e como não tinha interesse na peça, pois inclusive estava quebrado, achou que o crono estaria mais bem cuidado comigo.
Tão logo recebi o crono estranhei não haver nenhuma referência de marca. reconheci a máquina como sendo de um antigo relógio de bolso, adaptado para cronômetro...muito esquisito.
Postei, então, fotos dele no FRM (Fórum Relógios Mecânicos), e logo veio a resposta do amigo GRAVINA, que sempre solícito, me trouxe à luz: dizia ele: "procure no google por Mikrograph 1916 Heuer, e verá o que tem em mãos".
Dito e feito...ao pesquisarmos no google lá estava ele...em poucas fotos, mas foi um grande início.
O crono funcionava, mas não dava corda pela coroa. era um sinal que o pinhão estava quebrado. e agora? desmontei parcialmente o crono, e constatei a agressão ocorrida no passado...alguém, um descuidado, desavisado ou coisa parecida, exagerou na força e detonou o pinhão de carga, fazendo com que ele ficasse totalmente banguela.
E agora José?......quem teria a peça para reposição? a resposta veio igualmente rápida: NINGUÉM! Percorri todos os caminhos possíveis dentro e fora do Brasil, a fim de conseguir a peça....nada, absolutamente nada.
Relojoeiros, fornituras, sucateiros, colecionadores etc....ninguém tinha a peça. Não sou de desistir fácil.
Decidi entrar em contato com a HEUER, através de seu site, na internet. Mandei a história, fotos etc...obtive como resposta um silencia abissal.
Ok....seria da forma mais difícil, pensei...
Através de outro grande amigo, colecionador de Heuer’s, consegui chegar num distinto senhor, chamado Paul Blaincpain, pessoa incrível, educadíssima e generosa, vindo de uma tradicional família de grandes relojoeiros, mas que havia largado tudo na suissa e vindo para o Brasil, dedicar-se ao mundo da gastronomia...ele era dono do famoso restaurante Le Cheval Blanc, em Búzios...o primeiro restaurante realmente refinado da região.
Enfim, contatado por email, o Sr. Paul resolveu me ajudar a contatar o Sr. JACK HEUER....isso mesmo...mr. Jack Heuer, herdeiro do império Heuer, neto de Edouard Heuer, idealizador e projetista do Mikrograph 1916. O Sr. Jack Heuer, após a venda da Heuer, passou a ser “chairman” da grande fábrica TAG HEUER.
Na posse do endereço residencial do Sr. Jack Heuer, conseguido pelo Sr. Paul Blancpain, resolvi, então escrever uma carta pedindo ajuda. Transcrevo a carta abaixo: (aos amigos que não dominam a língua, sugiro o Google tradutor)

“São Paulo, April, 05, 2012
Mr. Jack William Edouard Heuer
(ing.diplomé ETH)
Switzerland
Ref: HEUER MIKROGRAPH 1916 number 59722
Dear Sir,
First of all I would like to congratulate you for the excellence of your company, and the renowned brand that was created and developed by your grandfather, and continued by the Heuer family over many decades.
I got your contact from mr. Paul Blancpain, who has been with you a few times, once playing golf in Búzios, Rio de Janeiro, when you came to visit your son. He told me the story and said he keeps fond memories of conversations he had with you, and has the highest esteem for you.
He asked me to send you his email, for you to get in touch with him, what would make him very happy. Here is his email: (omitido)
I have the honor of owning a Mikrograph Heuer 1916 I got from a grandfather’s friend. It is a beautiful chronometer, and certainly an icon for Heuer, therefore the launching of a new Mikrograph in honor of the old timer.
I need not to mention the importance this has for the horology world. Neither of the importance this watch has for myself.
Considering the enormous importance of preserving the history and iconic works, especially a 1916 Heuer Mikrograph, I come to you asking for help, because I need to fix my chronometer.
The exact moment I got the watch, I noticed that it could not winding through the crown. I took it to a specialized antique clocks watchmaker, who supports many collectors here in Brazil, and as he disassembled the watch for a careful inspection, he found that one of the parts was completely worn out. This is the pinion, through which the stem goes, and which transmits the force applied on the crown to the mainspring barrel.
Mr. Heuer, please note the cronograph is working, it can be wound through the wheel of mainspring barrel, since we could detect the balance oscillations (300,000 a/h?), and all the very complicated mechanics developed in those remote times, certainly the result of careful studies and work carried out by your grandfather and his Heuer team.
Mr. Heuer, this is my problem. Despite living in a large metropolis and having a complex and diverse horologic environment, I find it impossible to find this part I need to fix my Heuer Mikrograph 1916.
Thus I decided to write this letter in an attempt to move you and/or team Heuer to help me recover not only the memory of Heuer, but also the memory of two grandfathers involved.
It would be a great honor to have your help in my project, which I know it is not so absurd.
Therefore, I ask you to help me or show me the path I need to take in order to get the part I need.
You can be sure that I will be eternally grateful for your help.
Please find attached some pictures of my chronometer. Note that it lacks the Heuer brand in the case or the moviment. Was this piece produced prior to Mikrograph Heuer 1916? Would it be a prototype?
Once again thank you and congratulations for your personal and professional achievements, and great brand developed through many decades by your family and you.
I'm looking forward for your contact. Please find all my contact numbers and addresses.
Sincerely,
Luis Otavio”

Anexei fotos do raríssimo crono, e encaminhei a ele...tinha a esperança que ele sensibilizaria com a minha vontade de resgatar não só a rara peça, mas resgatar a própria invenção do avô dele, e que foi primordial para o desenvolvimento de todos os demais cronos centesimais que vieram na sua esteira.
Quem tem a habilidade e sensibilidade para “mexer” com relógios, tem sensibilidade para a vida, e neste diapasão, recebi, em 21.04.2012 um email de ninguém menos que SR. Jack Heuer. Estava escrito: (aos amigos que não dominam a língua, sugiro o Google tradutor)

"Jack W.Heuer"
21.04.2012 18:46           
Objet     
Your Mikrograph repair problem
Dear Mr. Alencar,
I received two days ago your EMS letter with the detailled description of the missing parts.
As you can imagine, as Honorary Chairman of TAG Heuer, I am not the one to be able to
solve your problem. But I am forwarding your letter to (omitido), who heads our
large Service & Repair departement and is also the head of all our international repair stations.
If anyone in the world can help you, it probably will be Christian.
I was very touched by the emotions you feel about your Mikrograph that you inherited from
your grandfather. Could you calculate back and tell us when you believe he aquired this
piece ?
Normally we sold it only with our logo, since we had a patent for the first 20 years. It might be
of interest to you, that the Mikrograph was produced during 60 year, from 1916 to 1975,
until the electronic digital stopwatches replaced these mechanical models
Please have a little patience, before you will hear from the TAG Heuer Repair Centre about your Missingpart. Kind regards.
JackW.Heuer“

Não podia acreditar no que estava lendo…minha loucura tinha encontrado eco, e uma enorme porta tinha se aberto. Finalmente, teria toda atenção da Heuer para o meu problema.
Não tardou para receber o primeiro contato da Heuer, feito pela pessoa indicada e por uma outra funcionária, designada para cuidar do problema “MIKROGRAPH 1916”. Ambos gentis e educadíssimos, informaram que resolveriam o problema encaminhando uma peça nova, sem nenhum custo. Inacreditável!
E assim fizeram: encaminhara uma peça para mim, sem nenhum custo, novinha. FELICIDADE TOTAL AO RECEBER A PEÇA!!!
Contudo, não podia ser tão fácil: a peça estava errada, pois a que foi enviada era, na verdade, do crono Mikrograph modificado, aquele que foi a evolução do protótipo desenvolvido pelo mr. Edouard Heuer.
Entrei em contato com a minha interlocutora, e a única solução encontrada foi remeter o crono para a suissa, para a fábrica da TAG Heuer, a fim de que o master watchmaker pudesse avaliar, in loco, o que fazer para consertar o crono. Feito, Embalei o crono e despachei, sem dó nem piedade....sem frescuras.

“Dear Mr.Otavio,
Please be kindly informed that after having discussed with our watchmaker, the only last solution that we can propose, should be to send your Mikrograph in our workshop in Switzerland. Once your timepiece received, our watchmaker will be able to restore it trying to find in our stock some parts that could be fixed on it.
As mentioned in your previous e-mail, as you are in touch with some collectors and suppliers, we think that it would be the safety and easier way to try to find the necessary parts.
However, if you wish to send your Mikrograph in our workshop, you can or send it directly to our workshop or contact our agent in Brazil, namely Stern, to arrange with them to have your timepiece send or bring to us. Find hereafter our agent's contact: “

A resposta, depois de alguns meses foi desalentadora: eles não tinham a peça para consertar o crono. Conheciam o modelo, apenas, em razão de terem, no museu, um outro crono igual....não havia nada em estoque daquele protótipo. Tentaram com colecionadores, vendedores de peças (que eu já havia contatado) etc....nada. contudo, consertar o crono passou a ser uma questão de honra para todos, inclusive para o “master watchmaker” da Heuer. ELE RESOLVEU FABRICAR A PEÇA!
Fui comunicado da decisão via email...felicidade por um lado, ansiedade por outro...sabia que isso iria demorar. Vejam o email:

“Dear Mr. Otavio, Reference is made to your below request regarding your Heuer Mikograph 1916.
Please be kindly informed that we have discussed with our Master Watchmaker and unfortunately he confirms that he does not find the necessary component in our stock.
But be assured that we have a few contacts who could have the necessary component in their stock, so we have contact them and they are investigating at the moment. If, in spite of these investigations, nobody can find this component, we will produce it in order to repair your Mikrograph.
We duly understand the importance of this timepiece for you and we assure you that we take care of it. All this process and research take a lot of time. We will return to you with news as soon as we will know more precisely by which way we will be able to repair your precious timepiece.
We thank you for your understanding and also for the faith you have in our brand.
Yours sincerely, “ (grifou-se)

Bem, a solução viria, de uma forma ou de outra. É certo que várias caixas de ansiolítico foram consumidas neste período, mas valeu a pena.
Recebi, muitos meses depois a confirmação de que a peça tinha sido produzida. (espero que eles tenham feito mais de uma). Restava definir o que fazer, pois eles deram a opção de (i) encaminhar a peça e o crono para o Brasil, e eu mandar para um relojoeiro para colocá-la; ou (ii) eles fazerem uma revisão completa, colocando a peça e ajustando o crono todo, o que denominaram “complete overhaul”....obviamente sem alterar em nada a originalidade da peça, pois tratava-se de uma restauração, e não de um simples conserto.
Decidi pela segunda opção: deixar que eles fizessem o trabalho, e ajustassem tudo. Queria receber meu crono perfeito.
Outros muitos meses se passaram, e belo dia recebo uma chamada da portaria: FEDEX! Não acreditei....não podia ser que eles tivessem enviado a peça para o Brasil diretamente, já que o combinado era o retorno através de uma grande amiga na Alemanha. MAS ELES FIZERAM ISSO! Resultado: uma grana de imposto, que foi devidamente restituída em razão do equívoco...tratar com gente séria é outra coisa!
Enfim, o crono tinha retornado. Coração na boca, suor na testa, luva nas mãos para abrir o pacote, dar corda e ver o crono funcionar. E assim procedi: abri o pacote, dei suavemente corda, e apertei a coroa! RESULTADO: NADA!
Não acreditei.....o crono não funcionava...a coroa estava boba!!! Como isso era possível, haja vista que o crono foi todo revisado e testado? Pesadelo!
Abri as tampas, peguei a lupa e analisei...o problema era facilmente identificável: uma folga numa peça fazia com que o acionador do crono não funcionasse direito, saindo da posição de forma intermitente.
Coloquei a pecinha no lugar e ele funcionou...mas isso não estava certo..não podia conceber que após quase dois anos o crono tivesse retornado sem esse ajuste. Cronos não permitem consertos “meia boca”, pois ou funcionam ou não funcionam....não é igual a um relógio, que mesmo que atrase ou adiante ainda cumpre uma função, qual seja marcar horas.
Peguei o telefone e liguei para a minha interlocutora. Falei diretamente com ela sobre o ocorrido. Nada podia ser feito à distância, e por tal motivo o crono deveria retornar, como de fato retornou na mesma hora, juntamente com uma carta, onde expressava todo o meu desconforto com a situação.
Recebido pela TAG Heuer, orelhas provável e devidamente puxadas, veio a manifestação de que o problema tinha se dado em razão do transporte....nada disso. Conforme manifestei mais tarde, por óbvio que o “master watchmaker” da renomada marca de relógios JAMAIS reconheceria que deixou de ajustar determinada peça...enfim, acontece nas melhores famílias e relojoarias.
Superado o trauma, aguardei, pacientemente, mais 02 meses pela conclusão da nova revisão. Recebi a confirmação de que o crono estava, enfim, consertado e ajustado. Funcionando como deveria, e como, certamente, tinha sido testado pelo Sr. Edouard Heuer, naquele começo de século XX.
Desta vez o crono foi enviado para a Alemanha, com toda a segurança, pompa e circunstância. Recebido por amigos, me foi entregue na semana passada, perfeito, funcionando, brilhando (somente com uma limpeza, pois polimento desgastaria a peça). Cabe, aqui, um esclarecimento: a caixa deste protótipo é feita de uma liga chamada alpaca, e pode ser polida, posto que maciça...contudo, tal providência poderia gerar grandes problemas de originalidade e desvalorização da peça...foi feita, apenas, como já disse, uma limpeza superficial, a fim de retirar a leve oxidação.
Enfim, amigos, aqui estão as fotos do antes e depois. Espero que gostem e se emocionem tanto quanto eu, pois se trata de um pedacinho da própria história da horologia, que tanto nos fascina e alegra.
Antes de encerrar, gostaria de passar a vocês algumas coisas que aprendi: (i) esses objetos são máquinas, e devem ser tratados desta forma; (ii) cagadas podem acontecer em qualquer lugar do mundo, mesmo você tendo todo o aparato técnico/tecnológico disponível; (iii) incrível o que os nossos relojoeiros conseguem fazer com tão poucos recursos, aqui no Brasil; (ainda existe gente comprometida no mundo, sensível, amiga, louca.
Por fim, deixo, aqui, meu enorme agradecimento a alguns grande amigos: José Carregalo, que durante todo processo me ajudou muito na parte técnica. Meus amigos Marcio Hasse e Douglas Gravina, a quem devo muito. É uma grande honra conhecê-los e poder contar com vocês. Ao Sr. Paul Blancpain, que serviu de ponte entre mim e o “império” TAG HEUER...sem esse contato teria sido muito mais difícil.
Agradeço ao amigo Cesar Rovel, grande idealizador do fórum Relógios e Relógios, a quem presto minhas mais sinceras homenagens, pela seriedade do trabalho e paciência com esse bando de loucos (que não apenas os corinthianos), gostam desses pequenos objetos.

Um grande abraço a todos. Fiquem com as fotos:























APÓS A RESTAURAÇÃO:

















MODÊLO MIKROGRAPH 1916 JÁ COM CALIBRE E MARCA HEUER:



 
06/08/13 - 17:33
  Quote  #2
Mensagem por Sifion
Local: Fortaleza
Cadastro: 26/07/12
Posts: 1419
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Sifion Perfil  Busca de outros posts por Sifion Busca
não tem nem o que se falar ou fazer além de ficar boquiaberto....

Eu teria tido um infarto, com certeza, é muita emoção em mais de 2 anos de luta para restauração do relógio!! Gostei muito da história. Mais ainda pelo fato de que na busca pelo reparo você conseguiu se comunicar e envolver o próprio Mr. Heuer! Valeu com certeza a persistência de não só querer ter o relógio, mas querer te-lo funcionando!

Meus parabéns! Ter um protótipo de qualquer marca já deve ser muito legal, imagina ter um tão antigo e tão avançado pra época....

Quando eu crescer quero minha coleção igual a sua

Abraços.
 
06/08/13 - 17:54
  Quote  #3
Mensagem por Presto
Local: PORTO ALEGRE
Cadastro: 27/09/12
Posts: 1180
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Presto Perfil  Busca de outros posts por Presto Busca
Que história... acho que você deveria fazer um site com essa história e outros registros, como as cartas originais.

Isso definitivamente iria inspirar muita gente.

Parabéns!
 
06/08/13 - 18:09
  Quote  #4
Mensagem por Bonzaki
Local: Não fornecido
Cadastro: 24/06/13
Posts: 121
Usuário nível:



Visualizar o perfil de Bonzaki Perfil  Busca de outros posts por Bonzaki Busca
Quote: Originalmente postado por Presto em 06/08/2013 17:54:42
Que história... acho que você deveria fazer um site com essa história e outros registros, como as cartas originais.

Isso definitivamente iria inspirar muita gente.

Parabéns!





Tô com o Presto. Merece um espaço especial.

Parabéns LOA!
 
06/08/13 - 19:10
  Quote  #5
Mensagem por Dorotheo
Local: CZS
Cadastro: 29/12/12
Posts: 1328
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Dorotheo Perfil  Busca de outros posts por Dorotheo Busca
Está explicado o motivo de tanta loucura!
Parabéns, primeiro pelo crono, depois pela luta.
Abs
 
06/08/13 - 19:27
  Quote  #6
Mensagem por Dopamina
Local: Não fornecido
Cadastro: 10/07/13
Posts: 501
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Dopamina Perfil  Busca de outros posts por Dopamina Busca
Em uma palavra: fascinante.
 
06/08/13 - 22:15
  Quote  #7
Mensagem por vip.imports2010
Local: Não fornecido
Cadastro: 21/08/11
Posts: 4018
Usuário nível:




Visualizar o perfil de vip.imports2010 Perfil  Busca de outros posts por vip.imports2010 Busca  Visite a página de vip.imports2010 www
Quote: Originalmente postado por Dorotheo em 06/08/2013 19:10:45
Está explicado o motivo de tanta loucura!
Parabéns, primeiro pelo crono, depois pela luta.
Abs




+1
 
06/08/13 - 23:46
  Quote  #8
Mensagem por Wssdev
Local: Vitória
Cadastro: 14/12/11
Posts: 861
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Wssdev Perfil  Busca de outros posts por Wssdev Busca  Visite a página de Wssdev www
qualquer coisa hein....parabens
 
07/08/13 - 09:16
  Quote  #9
Mensagem por Carbonieri
Local: SP interior
Cadastro: 07/08/12
Posts: 219
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Carbonieri Perfil  Busca de outros posts por Carbonieri Busca
Muito interessante...parabens
 
07/08/13 - 14:15
  Quote  #10
Mensagem por Rmkeko
Local: São Paulo
Cadastro: 23/04/12
Posts: 19
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Rmkeko Perfil  Busca de outros posts por Rmkeko Busca
fantastico
 
07/08/13 - 22:29
  Quote  #11
Mensagem por LOA
Local: São Paulo
Cadastro: 20/06/11
Posts: 420
Usuário nível:



Visualizar o perfil de LOA Perfil  Busca de outros posts por LOA Busca
agradeço todas as palavras elogiosas.
aguardem o próximo projeto...
abs
 
19/08/13 - 22:54
  Quote  #12
Mensagem por Alexandre-CGR
Local: Campo Grande
Cadastro: 04/01/10
Posts: 310
Usuário nível:



Visualizar o perfil de Alexandre-CGR Perfil  Busca de outros posts por Alexandre-CGR Busca
Parabéns LOA!!


Como diria aquela antiga campanha da adidas Impossible is nothing.
Emocionante sua história e o retorno dele são e salvo.

abraços
 
19/08/13 - 22:57
  Quote  #13
Mensagem por NersiN
Local: Belo Horizonte
Cadastro: 05/06/13
Posts: 137
Usuário nível:



Visualizar o perfil de NersiN Perfil  Busca de outros posts por NersiN Busca
+1
 
20/08/13 - 21:55
  Quote  #14
Mensagem por NOGUEIRA
Local: SAO PAULO
Cadastro: 07/07/13
Posts: 32
Usuário nível:




Visualizar o perfil de NOGUEIRA Perfil  Busca de outros posts por NOGUEIRA Busca  Visite a página de NOGUEIRA www
Parabens LOA essa sua historia é praticamente unica vc foi um felizardo aproveita essa fase boa e joga sena q tem tudo para dar certo tbm
 
21/08/13 - 21:09
  Quote  #15
Mensagem por hamiltondantas
Local: São Paulo
Cadastro: 06/03/08
Posts: 596
Usuário nível:




Visualizar o perfil de hamiltondantas Perfil  Busca de outros posts por hamiltondantas Busca
No words

Abs   y)
 
21/08/13 - 21:38
  Quote  #16
Mensagem por Edgar
Local: São Paulo
Cadastro: 18/10/07
Posts: 359
Usuário nível:




Visualizar o perfil de Edgar Perfil  Busca de outros posts por Edgar Busca
Loa, vc nos deixa sem palavras. As vezes o silêncio fala mais. Parabéns, dizer mais o quê???

Abs

Edgar

PS

Se vc fizesse um site, ou sei lá o que contando tudo isso, seria um presente para todos nós. Junta aí histórias do Carregalo, do Gravina, nossa...dá uma mega página na net.

Obrigado por estar aqui entre nós
 
21/08/13 - 22:17
  Quote  #17
Mensagem por F355
Local: Uberaba
Cadastro: 09/01/12
Posts: 1599
Usuário nível:




Visualizar o perfil de F355 Perfil  Busca de outros posts por F355 Busca
Realmente impressionante!!!!
 
22/08/13 - 15:47
  Quote  #18
Mensagem por LOA
Local: São Paulo
Cadastro: 20/06/11
Posts: 420
Usuário nível:



Visualizar o perfil de LOA Perfil  Busca de outros posts por LOA Busca
E PARA FECHAR A HISTÓRIA COM CHAVE DE OURO:

De: Jack W.Heuer
Enviada em: quinta-feira, 22 de agosto de 2013 07:02
Para: 'Luis Otávio de Alencar';
Assunto: AW: MIKROGRAPH 1916 - RESTORATION CONCLUDED

Dear Luis Otavio,
I am really happy for you that Christian‘s team has managed to put
your 95 year old Micrograph intro perfect order again. Well done for
all of you !!!!
Kind regards
Jack Heuer
 
25/08/13 - 14:57
  Quote  #19
Mensagem por LOA
Local: São Paulo
Cadastro: 20/06/11
Posts: 420
Usuário nível:



Visualizar o perfil de LOA Perfil  Busca de outros posts por LOA Busca
Prezados
alguém, por acaso, tem uma caixa de relógio de bolso Heuer, ou mesmo de um crono, que eu pudessse utilizar para guardar o Mikrograph?

ELE ESTÁ PRECISANDO DE UMA CASINHA.

abs
 
25/08/13 - 22:08
  Quote  #20
Mensagem por SmOk3r!!!
Local: Campinas
Cadastro: 28/01/11
Posts: 696
Usuário nível:




Visualizar o perfil de SmOk3r!!! Perfil  Busca de outros posts por SmOk3r!!! Busca
Absolutamente fantástico. Parabéns pela magnifica peça e também pela história.
Muito obrigado por compartilhar.
Total de Mensagens encontradas: 22
Página 1 de 2 12
Clique aqui para navegar para o próximo tópico  Clique aqui para navegar para o tópico anterior

Se você deseja postar uma resposta a este tópico deve antes efetuar login
Se você não é cadastrado clique aqui para se cadastrar