Adicionar aos Favoritos      Indique este Site sábado, 19 de outubro de 2019                                                                         
notícias
Imagens © Lange Uhren GmbH
Clique para zoom
O Cabaret Tourbillon
Clique para zoom
Vista frontal do modelo em platina
Clique para zoom
Versão em ouro rosa
Clique para zoom
Vista frontal do modelo em ouro rosa
Clique para zoom
Calibre L042.1, lado do mostrador
Clique para zoom
Calibre L042.1, visto por trás
Clique para zoom
Detalhe do turbilhão
Clique para zoom
O mecanismo de parada de segundos ("hack")
Clique para zoom
Detalhe do Calibre L042.1

Clique nas imagens para visualizar as ampliações
O primeiro turbilhão com parada de segundos

sexta-feira, 18 de abril de 2008

O progresso através da parada: o Cabaret Tourbillon

O turbilhão foi inventado há mais de 200 anos, mas a fascinação que ele desperta permanece intacta. Em 2008, a A. Lange & Söhne escreve um novo capítulo na sua história ao revelar o novo Cabaret Tourbillon e o primeiro mecanismo de parada de segundos (“hack”) implementado em um turbilhão.


Para assistir a um vídeo de apresentação do Cabaret Tourbillon, clique no botão "Play" abaixo (clipe de alta qualidade; por favor, aguarde o carregamento):





O modelo Cabaret foi lançado em 1997, com um elegante formato retangular que evocava o luxo e o charme do período Art Deco. 11 anos após o surgimento de seu predecessor, o Cabaret Tourbillon da A. Lange & Söhne estréia um balanço com carruagem giratória. E, pela primeira vez na história, um turbilhão foi dotado de um mecanismo de parada de segundos.


Um pouco de história

Uma idéia engenhosa inspirou o desenvolvimento do escapamento com carruagem, para o qual uma patente foi concedida em 1801. Ele se destinava a relógios de bolso que eram tipicamente guardados em um bolso de colete na mesma posição vertical. No turbilhão, as peças que governam a marcha – o conjunto do balanço e escapamento – foram integradas em uma gaiola que girava sobre a quarta roda. Isto neutralizou o erro de posição causado pelo efeito da gravidade sobre a roda do balanço, resultando em maior precisão de marcha. Nos modernos relógios de pulso que são utilizados em constante mudança de posição, a necessidade de correções de marcha não é mais uma questão significativa. Contudo, devido à sua complexidade, o turbilhão não perdeu nada de sua fascinação original. Executado com perfeição artesanal como nos três calibres já criados pela Lange, ele permanece o arquétipo da complicação horológica, dominado apenas pelos melhores da elite relojoeira.

Mas uma questão permanecia sem resposta: se o turbilhão tem por objetivo uma precisão de marcha superior, por que ninguém jamais havia inventado um dispositivo que tornasse possível a parada e o reinício de forma instantânea de tal relógio, com a finalidade de sua sincronização? Este enigma incômodo, que persistiu através dos 200 anos de história do turbilhão, desafiava os projetistas da Lange que finalmente encontraram uma solução. A opção de parar mecanicamente toda a gaiola de dentro do movimento foi rejeitada. Com esta abordagem simplista, a roda do balanço iria reduzir a velocidade e finalmente, em "ponto-morto", pararia. Ela precisaria ter uma partida rápida para retomar seu movimento recíproco. Esta abordagem foi considerada insatisfatória. Para preservar a energia potencial da mola do balanço durante o processo de frenagem, a única alternativa viável foi frear direta e instantaneamente a roda do balanço dentro da gaiola. Esta foi a única forma encontrada para assegurar que a roda do balanço iria reiniciar sua oscilação imediatamente após o "freio" ter sido solto.


Como parar um turbilhão

Mas como o roda do balanço de um escapamento turbilhão poderia ser parada em uma gaiola giratória, se cada um dos três "postes" da gaiola está no caminho a cada 20 segundos? Até recentemente, este problema havia frustrado todos os especialistas envolvidos com o escapamento turbilhão, deixando a sua solução para os engenheiros da Lange, mais de dois séculos após a invenção do turbilhão. Em poucas palavras: puxando-se a coroa, inicia-se uma complexa ligação motora que faz com que uma alavanca de freio com uma mola com dois braços curvados em forma de "V" entre em contato com a lateral externa da roda do balanço, parando-a imediatamente. Esta intervenção poderia ser frustrada quando um braço da mola de freio em forma de "V" tocasse um dos três postes da gaiola do turbilhão. Por esta razão, a delicada mola de aço com dois braços é dobrada em um ponto de rotação da alavanca do freio. Em outras palavras, mesmo que um braço da mola descanse contra um poste da gaiola, o outro braço ainda avançará à lateral da roda do balanço e fará sua parada de forma tão confiável como se ambos os braços tivessem engatado. As extremidades de formas assimetricamente curvadas das duas molas foram empiricamente determinadas em extensos testes. Sua geometria especial assegura que a pressão de contato que eles exercem seja otimizada em todas as posições concebíveis da mola de freio com relação à roda do balanço. Adicionalmente, as extremidades da mola de freio são dobradas de forma que elas não possam acidentalmente engatar quando a roda do balanço for presa e liberada. Portanto, esta não é apenas uma inteligente complicação esteticamente apresentada no lado do mostrador do Cabaret Tourbillon; ela é também uma útil inovação digna do patrimônio da Lange. Esta invenção patenteada finalmente torna possível a medida precisa da melhora da precisão da marcha proporcionada pelo turbilhão.


Dois tambores de corda para uma reserva de marcha de cinco dias

Mas há mais no Cabaret Tourbillon que não pode ser visto a olho nu: os tambores de corda gêmeos, do calibre a corda manual L042.1, que proporcionam uma reserva de marcha de cinco dias ou 120 horas quando totalmente carregados. Um indicador da reserva de marcha na posição das 4 horas lembra de forma fiel ao seu proprietário quando é hora de fornecer energia a esta obra-prima. Abaixo das 12, a famosa grande data da Lange compõe um equilíbrio visual com o turbilhão exposto em uma abertura no mostrador. O movimento retangular, fabricado e acabado dentro dos mais altos padrões de qualidade da Lange, é um verdadeiro deleite para os olhos. A generosamente decorada platina "três quartos" feita de prata bruta alemã é realçada por seis chatons em ouro parafusados. Três outros chatons estão localizados na roda intermediária gravada à mão e no galo do turbilhão, bem como na ponte do turbilhão, com polimento-espelho, no lado do mostrador. Os pivôs do conjunto da roda do balanço estão suspensos entre dois diamantes. Acompanhando 45 rubis, estes diamantes simbolizam excelência horológica e são remanescentes dos inigualáveis relógios de bolso de qualidade 1A produzidos pela Lange. Uma caixa retangular em platina ou ouro rosa, medindo 29,5 por 39,2 milímetros, fornece um cenário de muito estilo para a estréia mundial do primeiro turbilhão com parada de segundos.


Ficha técnica do Cabaret Tourbillon

Movimento: calibre de manufatura Lange L042.1, a corda manual, ajustado em cinco posições

Número de peças: 373, sendo 84 do turbilhão

Rubis: 47, dos quais 2 diamantes

Chatons em ouro parafusados: 9

Operação: coroa para corda e ajuste da hora, correção da data em recesso às 2 horas

Caixa: 29,5 x 39,2 x 10,25 milímetros, em platina ou ouro rosa

Movimento: 22,3 x 32,6 x 6,35 milímetros

Vidro e fundo: Cristal de safira (dureza 9)

Mostrador: Prata sólida

Ponteiros: ouro

Pulseira: couro de crocodilo com fecho Lange em platina ou ouro rosa
 
Topo
Mais Notícias:
09/10/2019 - Label Noir - Uma visita à sede da Label Noir
 
09/10/2019 - Label Noir - A visit to the headquarters of Label Noir (in English)
 
04/10/2019 - Jaeger-LeCoultre - Gyrotourbillon 3 Meteorite
 
23/09/2019 - Harry Winston - Histoire de Tourbillon 10
 
10/09/2019 - Bvlgari - Baselworld 2019 - Octo Finissimo Chronograph GMT
 
09/09/2019 - Bell & Ross - Nova coleção BR 05
 
04/09/2019 - Audemars Piguet - Millenary Frosted Gold Philosophique
 
03/09/2019 - Voutilainen - Baselworld 2019 - O excepcional 28ti
 
29/08/2019 - Montblanc - Em Xangai, a Montblanc lançou seus novos relógios femininos
 
28/08/2019 - De Bethune - Baselworld 2019 - DB21 Maxichrono Réédition
 
23/08/2019 - Jaeger-LeCoultre - Polaris Date
 
19/08/2019 - Cyrus - Baselworld 2019 - Klepcys Vertical Skeleton Tourbillon
 
16/08/2019 - Maximilian Büsser & Friends - Legacy Machine FlyingT
 
13/08/2019 - Greubel Forsey - GMT Quádruplo Turbilhão
 
08/08/2019 - Panerai - Sugestões de presentes para o Dia dos Pais
 
Topo
arquivo de notícias relógios & relógios
 
 

HOME  |   R&R  |   FÓRUM  |   LINKS  |   ESPECIAL 2007  |   ESPECIAL 2008  |   IMPRENSA  |   CONTATO  |   CONTATO
Relógios & Relógios © Copyright 2019

 
 
parcerias
 
 
 
 
redes sociais