Publicidade
Home  >  News Voltar

Cartier - Fine Watchmaking ClubRotonde de Cartier Terra e Lua

19 de dezembro de 2013
O Rotonde de Cartier Terra e Lua foi mais uma das novidades apresentadas pela Cartier no encontro do Fine Watchmaking Club, em Nova Iorque, em uma prévia de seus lançamentos do SIHH 2014.


O modelo é mais uma demonstração de criatividade e técnica de Carole Forestier, a responsável pelo desenvolvimento de movimentos de Alta Relojoaria Cartier. Ele reúne duas complicações em um ousado jogo de visualização: o turbilhão, garantia de precisão e prestígio, e as fases da lua.

Seu nome se deve à presença estilizada de um globo terrestre e de uma lua representada por um turbilhão. Juntos, constituem um universo criativo e animado, realçado por numerais romanos esqueletizados.


Uma reunião de complicações inédita

O mecanismo de fases da lua do Rotonde de Cartier Terra e Lua se baseia em um conceito complexo e criativo, que combina o turbilhão, fases da lua sob demanda e duplo fuso horário.


O turbilhão, ou como iludir a força gravitacional terrestre

O mecanismo de turbilhão é um dispositivo de grande complexidade, produto do "savoir-faire" único limitado a poucos relojoeiros. Sua função principal consiste em compensar os efeitos da força gravitacional quando o relógio se encontra em posição vertical.


Fases da lua sob demanda: duplamente inovadora

As fases da lua do Rotonde de Cartier Terra e Lua destacam-se por uma criatividade técnica duplamente inovadora. Acionado o botão situado às 4 horas na lateral da caixa, uma tampa desce e oculta parcialmente a gaiola do turbilhão. O quarto crescente ou minguante desenhado deste modo reproduz com precisão aquele mostrado no céu.


O duplo fuso horário

A indicação do duplo fuso horário do Rotonde de Cartier Terra e Lua é feita através de um disco de 24 horas criado exclusivamente para o calibre 9440 MC.


Um acabamento excepcional

Fruto de um trabalho minucioso, o lápis-lazúli polido constitui o mostrador e a tampa da lua do Rotonde de Cartier Terra e Lua. As horas e o duplo fuso horário estão rodeados por uma grade de ouro branco 18 quilates meticulosamente polida.

O mostrador tridimensional é uma das características da coleção de Alta Relojoaria Cartier, assim como os numerais romanos recortados e biselados à mão por um mestre decorador, como um movimento esqueleto.

O acabamento do calibre 9440 MC é excepcional, com pontes semi-esqueletizadas na parte traseira do movimento articuladas na forma de estrelas.


Rotonde de Cartier Terra e Lua - Ficha técnica


Movimento
Movimento mecânico de manufatura a corda manual, calibre 9440 MC, turbilhão, segundo fuso horário e fases da lua sob demanda
Diâmetro de encaixe de 17 ¼ linhas (38,8 mm), diâmetro total de 40 mm
Espessura de 5,65 mm, 362 peças, 40 rubis, frequência de 21.600 aph, reserva de marcha de aproximadamente 3 dias

Caixa
Em platina, com diâmetro de 47 mm, coroa perlada em platina adornada com um cabochão de safira azul, vidro e fundo de safira, espessura de 16,65 mm
Mostrador de lápis-lazúli, grade em ouro branco 18 quilates com forma de numerais romanos
Aro de platina, ponteiros de aço azulado em forma de espada
Estanque a 30 metros (3 atm)

Pulseira
Em aligátor negro, com fecho de báscula duplo ajustável de ouro branco 18 quilates


Edição limitada e numerada de 50 peças. O preço sugerido de venda é de 200.000 Euros.
 

NotíciasRelacionadas

07 de abril de 2020
23 de janeiro de 2019

BRANDPARTNERS