Publicidade
Home  >  News Voltar

Baume & Mercieriléa Alta Joalheria

16 de dezembro de 2009
Mais de mil diamantes brilham contra um fundo escuro: a Baume & Mercier estabelece uma fase de absoluto contraste na sua última coleção de alta joalheria, concebendo o ultra-feminino modelo iléa com um efeito de luminosidade fascinante.


Este modelo único, produzido exclusivamente para uma edição limitada, alterna o escuro do fosco intenso do ouro branco com superfície revestida em PVD, com o brilho luminoso de uma combinação de 970 diamantes. Esta aliança original e ousada entre a escuridão e a luz acentua a inegável criatividade e o conhecimento da Baume & Mercier para desenhar modelos femininos de alta joalheria.

O iléa Alta Joalheria é o mais recente modelo da linha de relógios femininos da Baume & Mercier. A marca já se destacou nesta área em 1940 com o lendário relógio Marquise e, em 1970, com os modelos Stardust, Mimosa e Galaxie que ganharam a mais prestigiada competição internacional de joalheria (Baden Baden Golden Rose em 1972 e 1973). O modelo iléa Alta Joalheria é um símbolo claro do orgulho deste patrimônio. Ele perpetua a tradição da marca em criar todos os anos uma edição limitada de um modelo de joalheria dando liberdade total de criatividade à equipe do Studio Design.

Este ano a designer da Baume & Mercier, Sabine Rochat, recuperou o modelo iléa, que criou em 2008, atrevendo-se a usar o preto fosco PVD revestindo o ouro branco como um meio perfeito para realçar os diamantes que o decoram. Na nova versão destacam-se as bordas que dão uma perspectiva ampliada ao terceiro nível do mostrador: uma camada transparente de safira, que sustenta os numerais romanos através de filamentos metalizados e o logotipo da Baume & Mercier localizado entre a base do mostrador e o cristal de safira superior. Na pulseira, um cristal de safira convexo protege também o interior, preservando o brilho dos diamantes e a curva de cada elo.

Para esta criação excepcional, o diâmetro do relógio foi ampliado para 34 mm (o modelo clássico iléa tem 30 mm) para que fosse possível acomodar o movimento mecânico de corda automática. A espetacular massa oscilante surge na mesma sombra preta fosca da caixa, e é decorada com Côtes de Genève, podendo ser admirada através do cristal de safira do verso da caixa. Este contraste de luz e sombra no modelo iléa Alta Joalheria ilustra à perfeição a combinação entre a técnica e a criatividade estética que caracteriza a Baume & Mercier desde 1830.
 

NotíciasRelacionadas

BRANDPARTNERS